Saúde 4.0: entenda esse conceito que tem revolucionado a relação médico-paciente

por maislaudo / Há 3 semanas
saúde 4.0 o que é

Tudo sobre Saúde 4.0

Você já ouviu falar alguma vez do termo Saúde 4.0? Se ainda não ouviu, é interessante buscar se informar, pois o tema tem ganhado uma considerável relevância na medicina em geral. Mas o que significa afinal Saúde 4.0? 

No texto a seguir vamos trazer mais informações sobre esse conceito que tem revolucionado a relação médico-paciente. Confira a seguir! 

O que é Saúde 4.0? 

Este conceito está relacionado ao processo de revolução 4.0 que estamos vivendo em nossa sociedade, e traz transformações no sentido do colaborativismo. Esta revolução afeta diretamente o modo como as pessoas vivem e se relacionam. 

Isso, claro, tem ligação direta com o advento da tecnologia. Logo, podemos dizer que Saúde 4.0 é a utilização de recursos tecnologias como auxiliares na rotina médica. 

O foco da Saúde 4.0, entretanto, não é exatamente no tratamento do paciente, mas sim na prevenção e bem-estar dos pacientes. Colocando, inclusive, o paciente no centro das atividades, e não mais passivo durante os procedimentos. 

Como a Saúde 4.0 é aplicada na rotina médica? 

A saúde 4.0 vem revolucionando a medicina no sentido de atuar na prevenção de doenças antes delas acontecerem. E para isso seja possível são utilizadas inovações tecnológicas como a Internet das Coisas (IoT), dispositivos móveis, é feito também a automatização de processos através de softwares médicos, dentre outros recursos. 

Tudo isso é feito com o intuito de conhecer melhor e realizar o devido acompanhamento da jornada do paciente

Ou seja, a tecnologia ajuda a fornecer dados que permitem uma atuação mais pontual durante o seu tratamento. Ajuda a prevenir situações de risco, e com isso a melhorar a qualidade de vida dos pacientes. 

Os benefícios da Saúde 4.0 na relação médico-paciente

Podemos dizer que há uma revolução na dinâmica médico-paciente com a Saúde 4.0. Mas de que forma? Isso acontece no sentido em que coloca o paciente no centro do seu tratamento. Este passa a ter muito mais poder e responsabilidade sobre seu quadro. 

Um exemplo claro que podemos dar deste cenário é quando utilizado recursos Health Mobile, como os relógios wearables no acompanhamento médico. Estes fornecem informações em tempo real dos dados vitais do paciente. 

Para quem não sabe a tendência Health Mobile é a prática de medicina feita com o auxílio de dispositivos móveis, como smartphones e os relógios wearables.

Recursos da Saúde 4.0

Como dissemos acima, a saúde 4.0 é um conceito que é aplicado através da utilização de determinados recursos tecnológicos no dia a dia da rotina médica. Listamos a seguir alguns dos principais procedimentos. Olha só! 

Internet das Coisas (IoT)

A Internet das Coisas é uma integração de dispositivos médicos a uma rede de comunicação onde ocorre a troca e coleta de informações.

Por exemplo, aplicativos móveis que se conectam a outros dispositivos eletrônicos, como os famosos relógios inteligentes, para obter dados sobre a saúde do paciente. Estes enviam informações precisas que podem auxiliar o médico na detecção e tratamento de possíveis doenças.

Ou seja, na IoT são aplicadas soluções que conectam dois dispositivos onde haverá um envio de informação. Estes, por sua  que possibilitará maior autonomia do paciente e um melhor monitoramento no tratamento.

Segundo a IDC, os projetos de IoT ganham força no setor da saúde, fazendo com que o mercado total no Brasil seja superior a US$ 8 bilhões em 2018.

Inteligência Artificial

A Inteligência Artificial é um dos assuntos mais em alta em nossa sociedade. E as pesquisas que envolvem essa tecnologia com a área da saúde estão a todo vapor.

Basicamente, a Inteligência Artificial vai desenvolver dispositivos capazes de simular algumas características e ações humanas. Estes, por sua vez, são capazes de mensurar e até executar determinadas tarefas.

Podemos citar como importante avanço entre medicina e tecnologia, envolvendo a inteligência artificial, a invenção do algoritmo desenvolvido pela IBM, o Watson.

O Watson foi criado pela IBM para auxiliar profissionais, desenvolvedores, startups e empresas a construírem sistemas cognitivos que possam melhorar processos, interações e ações. O algoritmo foi desenvolvido com o objetivo de auxiliar no tratamento do câncer.

Ele indica possíveis tratamentos, apresenta as evidências científicas para tal, assim como o grau de risco e efeitos colaterais possíveis que podem ser desenvolvidos. Ou seja, ele auxilia o profissional na tomada de decisão, oferecendo um embasamento científico para esta escolha.

Telemedicina

A telemedicina é a troca de informações clínicas por meio de recursos tecnológicos para lugares onde a distância é um fator impeditivo. Sendo assim, essa prática inovadora traz benefícios tanto para os profissionais de saúde quanto para os pacientes.

A telemedicina tem como ponto forte a emissão de laudos à distância. Com a utilização de softwares específicos é possível obter laudos mais detalhados de forma muito mais ágil. 

Ou seja, você reduz o prazo de entrega dos resultados dos exames ao paciente. Aumenta a produtividade da sua equipe e diminui custos com armazenamento de documento físico.

A Mais Laudo oferece o serviço de laudos à distância dos mais diversos exames. Os laudos são entregues em até 12 horas após o cadastro em nossa plataforma, e em casos de urgência em até menos de uma hora.  

E você acaba de ganhar um teste grátis para conhecer as funcionalidades da nossa plataforma. Clique aqui e garanta!

 

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Conheça quais são os direitos do paciente para a saúde

Saber quais são os direitos do paciente e quando acioná-los é uma das maneiras de manter a dignidade dos indivíduos. No entanto, é preciso ter parcimônia para não ultrapassar os direitos dos outros. Além disso, é crucial aprofundar em questões assistenciais obrigatórias e propagá-las para que todos tenham acesso a um atendimento digno e preconizado […]
LEIA MAIS

Comunicação médico-paciente: sua importância e como melhorá-la

A comunicação médico-paciente é uma das atividades mais delicadas que existem na área de saúde. Lidar com diferentes tipos de pessoas que passam por momentos de fragilidade requer preparo, sensibilidade e empatia. Um mau atendimento ao paciente pode manchar e comprometer a reputação e todo o trabalho de um profissional de saúde. Dessa forma, assegurar […]
LEIA MAIS