Quais são os exames admissionais que devem sempre ser feitos?

por maislaudo / Há 3 semanas
exames admissionais obrigatórios

Todos os profissionais que já trabalharam ou trabalham em regime CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) já passaram por exames admissionais e demissionais. Essas etapas são exigidas por lei e devem ser cumpridas pelas empresas como forma de assegurar a plena saúde do colaborador.

Mesmo que essa prática seja bastante comum, algumas pessoas ainda não sabem quais tipos de exame serão realizados na fase de admissão. Há dúvidas, inclusive, sobre quais análises não podem ser solicitadas. Afinal, algumas vezes, o empregador pode fazer o pedido de exames proibidos.

Para te ajudar com isso, listaremos abaixo quais são os exames exigidos em lei para o trabalhador e também aqueles que têm a solicitação proibida. Confira!

Quais são os exames admissionais obrigatórios?

Antes de qualquer informação é importante deixar claro que qualquer exame dessa categoria — admissional ou demissional — só pode ser realizado por um médico especializado em medicina do trabalho.

Somente o profissionais terá a habilidade necessária para conduzir esta etapa e emitir o ASO (Atestado de Saúde Ocupacional) no final. Conheça quais são os exames admissionais obrigatórios!

Anamnese Ocupacional

A anamnese se trata de uma entrevista que o médico faz com o trabalhador. Ele reúne uma série de perguntas com a intenção de saber sobre antecedentes na saúde daquela pessoa. Ou seja, o histórico médico do trabalhador.

São comuns questionamentos do tipo:

  • Como era o trabalho no seu último emprego?
  • Você era exposto (a) a algum risco à saúde?
  • Já passou por intervenções cirúrgicas?
  • Possui alguma doença? Caso positivo, como é o tratamento?
  • Se faz uso de algum tipo de medicamento controlado

Além disso, a anamnese ocupacional tem função de avaliar se o funcionário está apto fisicamente e mentalmente para exercer a função. Para que isso seja possível é importante que a entrevista seja personalizada de acordo com cada profissão.

Por exemplo, trabalhadores que estão expostos a locais com barulhos excessivos precisam realizar uma avaliação audiométrica. O exame é fundamental para avaliar se a função vai provocar algum dano à sua audição ou agravar alguma condição já existente.

Pressão arterial e batimentos cardíacos

O médico especializado também deve checar nos exames admissionais qual é a condição da pressão arterial e dos batimentos cardíacos do funcionário.

De forma comum, ele fará a medição no consultório para analisar se ambos estão dentro da normalidade. Caso o paciente já tenha tido qualquer problema cardíaco ou de pressão, é importante deixar claro nesse momento.

Saúde das articulações

Principalmente em profissões que exijam esforços ou posições repetitivas, há uma grande importância em checar a saúde das articulações.

É possível que alguma lesão tenha acontecido em antigos empregos e, se o emprego atual demandar os mesmos esforços, o quadro pode se agravar. Por isso, é comum que o médico avalie a postura, movimentos e possíveis lesões articulares.

Funções de risco

Para os profissionais que exercem funções de risco, como exposição a agentes físicos, químicos e biológicos, é preciso realizar alguns exames admissionais complementares.

Eles são importantes para garantir a preservação da saúde do colaborador, que será checada nos exames médicos periódicos.

Logo, dependendo da função desempenhada podem ser solicitados exames admissionais complementares, como por exemplo:

  • Audiometria
  • Acuidade Visual
  • Espirometria
  • EEG
  • ECG
  • Raio-x

Outros exames de acompanhamento obrigatórios na medicina ocupacional 

Exame periódico: é realizado geralmente uma vez por ano. Tem objetivo de fazer um acompanhamento para avaliar se o exercício da função desencadeou alguma condição de doença ocupacional.

Exame de retorno do trabalho: a avaliação tem objetivo de verificar se o trabalhados está apto para desempenhar sua antiga função após o período de afastamento.

Exame de mudança de cargo: deve ser feita uma avaliação para avaliar a aptidão do funcionário para sua nova função. Deve-se, portanto, avaliar se haverá uma maior exposição à riscos etc.

Exame demissional: seu objetivo é avaliar se houve prejuízo em função da atividade exercida ou agravamento do estado de saúde. Assim, é possível garantir que o profissional está apto a retornar ao mercado de trabalho.

Quais análises são proibidas na admissão?

Tanto na admissão quanto nos exames periódicos ou demissionais, existem alguns exames proibidos de se solicitar ao funcionário. Eles são encarados como discriminatórios e nenhuma empresa tem liberdade para pedi-los.

Teste de gravidez

As mulheres têm o direito garantido a licença maternidade e, por conta disso, ilegalmente, algumas empresas podem solicitar o teste de gravidez. É importante saber que essa atitude não é permitida pelo Ministério do Trabalho.

Teste de HIV

Outra análise que não faz parte dos exames admissionais é o teste de HIV. Solicitar esse exame para qualquer profissional é proibido. Além disso, deixar de contratar alguém por ser soropositivo é uma atitude discriminatória.

Conhecendo o procedimento que faz parte da contratação de funcionários, fica mais fácil entender quais exames admissionais podem ser pedidos pela empresa.

Aproveite para saber sobre os 5 exames que todos os funcionários devem fazer e tire suas dúvidas!

Otimize o fluxo de exames admissionais na sua clínica médica

A demanda de exames admissionais, assim como periódicos e outros, geralmente é muito grande em clínicas de saúde ocupacional. Muitas vezes há carência de uma equipe de especialistas diversos para realizar os laudos médicos.

Além disso, contar com médicos de várias especialidades representa um custo muito alto. A solução, portanto, para reduzir custos e otimizar o fluxo de exames é o serviço de laudos à distância. Funciona da seguinte maneira:

  • Primeiro passo é contratar uma empresa de telemedicina.
  • Os exames serão realizados normalmente na sua clínica de medicina ocupacional. 
  • Feitos os exames, deve-se encaminhar as imagens/gráficos para a empresa contratada. 
  • Esta, por sua vez, designará o médico especialista para fazer a avaliação dos exames. 
  • O especialista, então fará sua avaliação dando o seu parecer sobre a condição clínica do trabalhador. 

A Mais Laudo oferece o serviço de emissão de laudos à distância de vários exames da saúde ocupacional. O resultado dos laudos são entregues em até 12 horas após o cadastro em nossa plataforma.

Clique na imagem abaixo e faça um teste gratuito para avaliar as funcionalidades do serviço.

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Os 5 exames que todos funcionários devem fazer

Qualquer empresa que possui funcionários em regime de CLT, tem por obrigação ter o PCMSO, sigla de Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional com e seus respectivos exames e obrigações referentes à saúde de seus colaboradores. Estas medidas agem de forma preventiva, através de exames médicos recorrentes e acompanhamento médico constante, para que a […]
LEIA MAIS

Saúde ocupacional: os 5 exames que sua clínica precisa oferecer

Todo o ciclo profissional do trabalhador dentro da empresa — da contratação à saída, e do retorno após um afastamento à mudança de função ou setor — é marcado por um elemento comum: os exames médicos periódicos de saúde ocupacional. Obrigatória por lei, a realização desses exames certifica e atesta as reais condições que um […]
LEIA MAIS

Veja 5 mitos da telemedicina!

Mesmo com o avanço tecnológico na área da saúde, muitas pessoas insistem em questionar a eficiência de métodos que trazem um diagnóstico médico mais ágil e seguro e, por isso, os mitos da telemedicina acabam surgindo. Sabendo que ainda há muitas dúvidas sobre a eficiência e a segurança dos laudos online e a qualidade da […]
LEIA MAIS