fbpx

Gestão de tarefas para médicos: 6 dicas para um bom gerenciamento

por maislaudo / Há 3 semanas
gestão de tarefas para médicos

A gestão de tarefas para médicos diz respeito ao desenvolvimento de ações que têm como objetivo final proporcionar mais qualidade no atendimento prestado. Um bom gerenciamento fundamenta-se na aplicação de conhecimentos administrativos na rotina médica, assim como na otimização constante dos processos. 

Para alcançar bons resultados em qualquer instituição médica, é necessário conhecer e aplicar estratégias de melhorias em diversos setores, como financeiro, de RH, entre outros. 

Pensando nisso, listamos algumas práticas que consideramos essenciais para um bom gerenciamento médico. Veja abaixo!

6 práticas para uma boa gestão de tarefas para médicos 

Todo negócio precisa lidar com tarefas de gestão, isto é, atividades que são imprescindíveis para o seu pleno funcionamento. São exemplos comuns o desenvolvimento de um planejamento financeiro e controle de caixa, a gestão de pessoas e de estoque etc. 

A grande questão é que muitas vezes o médico não está preparado para esse outro lado de ser dono do próprio negócio. Com isso, a gestão de atividades é negligenciada, o que atrapalha o atendimento médico e os resultados da instituição. 

Nós vamos te ajudar nessa tarefa. Listamos 7 práticas de gestão de tarefas que vão fazer a diferença na sua rotina médica. Confira! 

1. Organize processos e fluxos de tarefas

O primeiro passo para otimizar as atividades é, claro, organizá-las. Apenas dessa forma será possível corrigir aquilo que não está funcionando e otimizar o que está dando certo. 

Por isso, recomendamos a criação de uma espécie de organograma com todas as funções, processos e fluxos de tarefas para manter tudo organizado. Dessa forma, cada pessoa da equipe saberá até onde vão suas responsabilidades e onde inicia a do outro.

Além disso, com as tarefas organizadas e direcionadas, evita-se que algo se perca no processo, podendo contribuir, inclusive, para uma maior produtividade. Afinal, cada um poderá se concentrar em sua própria função. 

2. Utilize a tecnologia a seu favor 

Hoje em dia, com o avanço da tecnologia, existe uma infinidade de softwares e aplicativos de gestão de tarefas que podem ajudá-lo a ter um dia a dia mais eficiente na sua clínica. 

O WhatsApp, por exemplo, pode ser excelente para agilizar a troca de informações com pacientes. Há ainda grandes softwares de gestão que podem ajudar a otimizar todo o fluxo de atividades da clínica. 

Ter um software em sua instituição médica significa ter todas as informações em um único lugar. Ou seja, todos os dados da clínica podem ser consultados de forma ágil e simplificada, o que otimiza consideravelmente a pesquisa de dados clínicos importantes na rotina médica.

3. Tenha uma boa ferramenta de comunicação interna

Quando o processo de comunicação interna é bem feito, o gestor consegue eliminar possíveis ruídos causados pela falta de informações. Com isso, as tarefas tornam-se mais dinâmicas e objetivas. 

Existem várias ferramentas de comunicação disponíveis, mas a empresa deve buscar a que melhor se adequa ao perfil da sua equipe. É possível utilizar soluções como: 

  • Newsletter;
  • Mural de informações;
  • TV ou jornal corporativo;
  • Reuniões frequentes;
  • Softwares para compartilhamento de mensagens. 

Esses locais podem ser usados para manter toda a equipe informada sobre  novos procedimentos, oportunidades e resultados alcançados pela empresa.

4. Terceirize algumas obrigações

Desde a segurança e limpeza, até os laudos dos pacientes, muitas tarefas na clínica podem ser terceirizadas. Além de economizar na contratação de pessoal, a terceirização permite que você se dedique mais aos aspectos administrativos da clínica.

Uma das possibilidades neste sentido é a terceirização dos laudos médicos. Com isso, sua clínica não precisa contar com um corpo médico exclusivo para essa função, podendo focar em etapas mais estratégicas do atendimento. 

A Mais Laudo é uma das empresas de telemedicina que oferece o serviço de laudo à distância. Contamos com médicos de diversas especialidades disponíveis para avaliar seus exames. O resultado do laudo fica disponível em até 24 horas em nossa plataforma. 

5. Use um prontuário eletrônico

Uma gestão de tarefas eficiente deve buscar sempre a otimização dos processos e redução da burocracia no dia a dia do negócio. Por isso, instalar um prontuário eletrônico é uma excelente solução. 

As tarefas repetitivas de rotina acabam tomando muito tempo do profissional, logo, quando opta-se pela automatização/simplificação desse processo, este pode ser mais produtivo e focar em etapas mais estratégicas do tratamento do paciente. 

Além disso, o prontuário contribui para a diminuição de erros de registro, redução do espaço físico, além da integração de informações e muitos outros benefícios. 

Veja dicas de como escolher um sistema de prontuário eletrônico mais adequado para a sua instituição.

6. Organize suas finanças

Uma das etapas mais importantes do gerenciamento de tarefas médicas é a organização financeira. Afinal, é a partir desse controle que seu negócio será capaz de identificar gastos desnecessários, além de identificar as melhores oportunidades de investimento. 

Para que isso seja possível, é importante que o gestor tenha indicadores em que ele possa se basear para propor tais ações. 

Portanto, preocupe-se com a estruturação de um fluxo de caixa organizado, categorizando os gastos detalhadamente. Além disso, tenha um planejamento financeiro realista e certifique-se de fazer o devido acompanhamento da situação financeira da clínica para evitar imprevistos.

Leia também: Gestão de clínica médica: 5 erros comuns que você não pode cometer

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Gestão de funcionários: 6 dicas para fazer um bom gerenciamento

A gestão de funcionários é uma responsabilidade muito grande do gestor de equipes e deve ser feita continuamente para alcançar resultados satisfatórios. A maneira como o líder se comunica com seus colaboradores, a atenção dada aos problemas apresentados, a motivação interna e o reconhecimento são muito importantes para manter sua equipe satisfeita e produtiva. Se […]
LEIA MAIS

4 dicas para fazer bons laudos médicos

A emissão de laudos médicos é uma das principais atividades de clínicas e hospitais que realizam centenas de exames diariamente e é um ponto crucial para o bom funcionamento desses estabelecimentos. Os gestores da área de saúde buscam alternativas para organizar e otimizar esse processo, garantindo um bom fluxo dentro das unidades de saúde. Porém, de […]
LEIA MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *