fbpx

Telemedicina na neurologia: o que é, aplicações e principais vantagens

por maislaudo / Há 4 meses
telemedicina na neurologia

O uso da telemedicina na neurologia contribui para a otimização de diversas etapas da assistência médica nesta especialidade. As tecnologias de informação e comunicação auxiliam no diagnóstico e tratamento de doenças neurológicas, assim como na qualificação de profissionais da saúde do setor. 

No texto a seguir, vamos apresentar os principais conceitos a respeito da teleneurologia, como suas principais qualificações e vantagens de uso. Continue a leitura e confira! 

O que é telemedicina neurológica?

O termo diz respeito à aplicação de recursos de telemedicina na neurologia. Ou seja, ela acontece quando faz-se o uso de tecnologias no atendimento médico ou em outras etapas da assistência da especialidade médica que trata dos distúrbios estruturais do sistema nervoso. 

Segundo a OMS, a telemedicina pode ser definida como: 

“Prestação de serviços de saúde remotos na promoção, prevenção, diagnóstico, tratamento e reabilitação pelos profissionais de saúde que utilizam as tecnologias de informação e comunicação, que lhes permitem trocar dados, com o objetivo de facilitar o acesso e a oportunidade na prestação de serviços à população que tem limitações de fornecimento, e acesso a serviços, ou ambos, em sua área geográfica.”

Por possuírem, em sua grande maioria, caráter crônico e incapacitante, as doenças neurológicas exigem uma assistência ágil e periódica. Entretanto, muitas dificuldades podem atrasar ou até impedir que seja feito um atendimento de qualidade, seja pela sobrecarga nas instituições de saúde ou até mesmo pela limitação de assistência médica em regiões mais remotas. 

A telemedicina surge então como principal solução para minimizar essas barreiras. Seus recursos aplicados na neurologia tornam a atuação no segmento mais efetiva, ágil e democratizada. 

Aplicações da telemedicina na neurologia

A telemedicina na neurologia pode ser aplicada de diversas formas, sempre com o intuito de tornar o atendimento médico no setor mais qualificado. 

Suas principais aplicações são: 

Teleconsultoria

A teleconsultoria é a troca de informações entre profissionais da saúde que acontece por intermédio das tecnologias de comunicação. Portanto, seu principal objetivo é o aperfeiçoamento da prática médica.

Geralmente, esta aplicação é recorrida em casos no qual o médico deseja esclarecer dúvidas sobre algum procedimento médico ou algum estudo clínico em curso, dentre outras questões. 

Com o recurso de tecnologias é possível consultar profissionais de saúde de diversas partes do mundo, o que por sua vez contribui para diagnósticos cada vez mais precisos. 

Telediagnóstico

O telediagnóstico acontece quando utilizada tecnologias de informação e comunicação para serviços de apoio ao diagnóstico. O exemplo mais comum e mais aplicado na saúde atualmente é o serviço de laudos à distância.  

Aqui é enquadrado todos os serviços que objetivam a redução de tempo de identificação das doenças, como é o caso dos laudos online. Todos eles contribuem para tornar o diagnóstico mais ágil e eficiente, aumentando então as chances de um diagnóstico precoce, o que consequentemente melhora o prognóstico do paciente. 

Telemonitoramento

Telemonitoramento é o monitoramento feito à distância de parâmetros de saúde e/ou doença de pacientes por meio das TIC. 

Neste caso, estão incluídas etapas como a coleta de dados clínicos do paciente, a transmissão de informações entre paciente-médico, o processamento de dados e o manejo por um profissional de saúde. Todas elas realizadas através de recursos tecnológicos. 

Teleducação

A teleducação é uma das ações mais comuns e disseminadas dentro da telemedicina neurológica. A prática consiste na utilização dos recursos tecnológicos com objetivo de aprendizado interativos sobre temas relacionados à saúde. 

Ou seja, a teleducação acontece quando profissionais da saúde utilizam essas tecnologias de informação e comunicação (como a internet, por exemplo) com intuito de capacitação em sua especialidade. 

Vantagens da Telemedicina na neurologia

Como já dito acima, a telemedicina na neurologia contribui para a democratização do acesso à assistência médica neste setor. Além disso, os recursos tecnológicos contribuem também para a otimização da gestão hospitalar, assim como para a redução de custos. 

Listamos as principais vantagens do uso de serviços de telemedicina na neurologia. Confira: 

  • Agilidade na entrega dos resultados de exames: na Mais Laudo, a liberação de laudos neurológicos é feita em até 12h, incluindo eletroencefalograma com mapeamento
  • Maior produtividade
  • Segurança e confiabilidade dos dados: os laudos ficam armazenados e disponíveis para a empresa contratante por anos, conforme a regulamentação do Ministério do Trabalho
  • Maior interação entre profissionais da saúde: o que proporciona mais qualidade no diagnóstico e tratamento de pacientes. 
  • Mais qualidade nos laudos médicos de neurologia: acesso à um corpo clínico especializado pagando apenas sob demanda

Ficou interessado (a)? Clique na imagem abaixo e ganhe um teste grátis na plataforma da Mais Laudo para testar os benefícios da aplicação da telemedicina na neurologia. 

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Teleconsulta: o que é, como funciona e principais vantagens

A teleconsulta é uma modalidade de telemedicina que tem como objetivo a qualificação da assistência em saúde. A prática fundamenta-se no uso da tecnologia como ferramenta para o benefício do diagnóstico, acompanhamento e tratamento do paciente.  No texto a seguir vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre a teleconsulta no Brasil. Confira! Você […]
LEIA MAIS

Telemedicina cardiológica: o que é, como funciona e principais vantagens

A telemedicina cardiológica faz uso de recursos tecnológicos como auxiliares no diagnóstico e tratamento de cardiopatias, assim como em outras alterações no funcionamento do coração.  Sua aplicação pode ser feita em diferentes etapas da assistência médica, proporcionando com isso uma série de benefícios, como atendimento mais ágil, diagnósticos mais precisos, aumento de produtividade, dentre outros.  No […]
LEIA MAIS

Telemedicina: saiba o que é e conheça 4 vantagens

A telemedicina é a troca de informações clínicas por meio de recursos tecnológicos para lugares onde a distância é um fator impeditivo. Sendo assim, essa prática inovadora traz benefícios tanto para os profissionais de saúde quanto para os pacientes. As estratégias utilizadas pela telemedicina englobam atendimento por videoconferência, capacitação de profissionais por meio de cursos a distância, […]
LEIA MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *